Notícias

Alunos do curso de Engenharia Elétrica participam da Feira Internacional da Industria Elétrica - FIEE

 
10 de agosto de 2017


No dia 27/07/2017 alunos do curso de Engenharia Elétrica participam da 29ª Feira Internacional da Industria Elétrica, Eletrônica, Energia e Automação, em São Paulo – SP.

O evento contribuiu para a formação dos alunos sobretudo por apresentar modelos de gestão e características estruturais particulares e complexas do setor, além de soluções, produtos, serviços, equipamentos mais recentes tecnologias e lançamentos para atender às necessidades dos mais diversos segmentos e aplicações.

A 29ª FIEE foi uma oportunidade única dos alunos entrarem em contato com diversas empresas que são referência e conhecerem equipamentos de ponta. Esse tipo de evento visa colaborar para que definam suas preferências e norteiem seu futuro profissional.

Na visão do coordenador do curso, Prof. Tiago Rodrigues este tipo de atividade aproxima o aluno do mercado de trabalho. Os discentes podem conhecer empresas e profissionais do ramo, bem como tendências tecnológicas, além de participar de palestras de renomados profissionais do setor.

Para o aluno, João Paulo Coura de Castro, ter participação na FIEE foi muito significativo; ele mencionou que pode conhecer novos fabricantes de componentes elétricos e eletrônicos, assistir a uma palestra sobre fonte de energia alternativa. “Incentivo a todos os estudantes de engenharia a aproveitarem essas oportunidades, pois a troca de experiência com outros profissionais é muito importante para o crescimento. Trabalho numa pequena empresa do setor eletrônico em Itajubá, consegui o contato de novos fabricantes de componentes eletrônicos e encontrei por lá alguns estandes que já são nossos fornecedores de componentes, possibilitando a oportunidade de reduzir o custo de fabricação de placas” relatou o aluno.

Mercado em potencial. O crescimento da demanda per capita por eletricidade e a expansão da economia (PIB) deverão demandar mais investimentos em geração de energia elétrica. Para se ter uma ideia, nos últimos 47 anos o consumo de energia elétrica cresceu a uma média de 6,4% ao ano (a.a.), enquanto o PIB, a 4,4% a.a., conforme informações publicadas no Prospecto de Distribuição Pública de Cotas da Primeira Emissão do Fundo de Investimento em Participações em Infraestrutura FIP-IE BB Votorantim Energia Sustentável III.

O Plano Decenal de Expansão de Energia (PDE 2023), publicado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE), estima investimentos de R$ 223,1 bilhões na expansão da geração, no período de 2014 a 2023, dos quais 52,1% em energias renováveis (eólica, solar, PCH e biomassa), 38,4% em hidrelétricas e 9,5% em termelétricas.

No total, o PDE 2023 calcula investimentos de R$ 301 bilhões no período de 2014 a 2023, sendo R$ 223 bilhões na geração e R$ 78 bilhões na transmissão. Prevê a adição de 77 GW de capacidade instalada de geração total, 70 mil quilômetros de linhas de transmissão e 163 GVA em subestações. (Fonte: Análise Setorial de Energias Renováveis – Valor Econômico).
Tour virtual