scaneie o código ou clique aqui

Pedagogia

O curso
Corpo Docente
Mercado de Trabalho
Educacional
Fale com o Coordenador
O curso

O curso visa à formação de profissionais para atuar como docente da Educação Infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental e como gestor do trabalho pedagógico.

Na educação não-formal o pedagogo poderá atuar como: assessor pedagógico ou gestor de RH em empresas e organizações; assessor pedagógico em setores de comunicação, atuando, por exemplo, na orientação pedagógica para produção de materiais informativos e no uso pedagógico de novas tecnologias de comunicação e informação; assessor ou consultor pedagógico a serviço de difusão cultural.

O curso de Pedagogia da FEPI vem construindo uma história de conquistas e tradição, já que há mais de 50 anos prepara profissionais para atuarem na área da educação, preocupando com a formação profissional e humana de seus discentes, e contando com uma equipe de profissionais capacitados e com experiência na área de atuação.

 

Diferencial do curso

Como diferencial o curso de Pedagogia da FEPI conta com uma “Brinquedoteca” para aliar a teoria à prática, além de parcerias com escolas das redes particulares e públicas de ensino, onde grande parte dos nossos alunos estão exercendo atividades educativas remuneradas, desde os primeiros períodos do curso.


O curso também conta com dois programas institucionais que oferecem bolsa de iniciação à Docência: o PIBID e a Residência Pedagógica, em parceria com a Capes. O PIBID tem por objetivo proporcionar ao bolsista uma aproximação prática com o cotidiano das escolas públicas de educação básica e com o contexto em que elas estão inseridas. Já o programa Residência Pedagógica é um programa que integra a Política Nacional de Formação de Professores, cujo objetivo é aperfeiçoar a formação prática nos cursos de licenciatura.


Outro diferencial, que merece ser destacado, é que o curso de Pedagogia da FEPI, desde a primeira edição do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE), manteve o conceito 4; conceito visto na maioria das vezes em instituições públicas.


E esse ano, o curso recebeu 4 Estrelas pelo Guia da Faculdade Estadão. A equipe do Guia atua como um instituto de pesquisa, analisando a qualidade de cerca de 14 mil cursos superiores em todo o Brasil, considerando a qualidade do projeto pedagógico, a qualidade do corpo docente e infraestrutura que a Instituição oferece para o curso. As notas que o curso recebe dos avaliados são transformadas em Estrelas de 1 a 5.

 

Modalidade: Licenciatura
Carga horária total: 3393 horas
Duração do curso: 3 anos
Turno: Noturno
Vagas: 50

Mercado de Trabalho

Áreas de atuação

O curso de Pedagogia do Centro Universitário de Itajubá, forma profissionais para atuar:

como docente da Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental;
como gestor do trabalho pedagógico em suas diferentes funções: administração, planejamento, supervisão escolar, coordenação pedagógica e orientação educacional da Educação Básica.
Embora a escola continue sendo o locus preferencial de atuação do pedagogo, atualmente muitas outras oportunidades e campos de trabalho se abrem para aqueles que se dedicam à Educação.

 

Na educação não-formal o pedagogo poderá atuar como:

Assessor pedagógico ou gestor de RH em empresas, organizações governamentais e não-governamentais, atuando na gestão pedagógica e administrativa de pessoal, orientação de estágios, formação e/ou capacitação profissional em serviço presencial ou à distância;
Assessor pedagógico em setores de comunicação, em empresas ou outras instituições, atuando, por exemplo, na orientação pedagógica para produção de materiais informativos, instrucionais (didáticos e para-didáticos) e no uso pedagógico de novas tecnologias de comunicação e informação;
Assessor ou consultor pedagógico a serviço de difusão cultural (museus, centros culturais, bibliotecas, brinquedotecas, cineclubes) e de comunicação de massa (jornais, revistas, televisão, rádios, editoras, agências de publicidade, indústria de brinquedos etc);
Como assessor/ gestor de programas e projetos de natureza sócio-educativas, nas seguintes áreas ou locais:

educação para a saúde (hospitais , Centros de Saúde, etc...);
educação para o trânsito (setor de planejamento urbano, transportes, etc...);
promoção social (empresas, órgãos públicos, ONGS);
educação ambiental (empresas, órgãos públicos, ONGS);
recreação e lazer (clubes, entidades de classe, hotéis e instituições ligadas ao turismo);
Como profissional liberal, o pedagogo pode atuar como:

consultor pedagógico: para projetos de educação à distância, gestão de pessoas, gestão do conhecimento, etc;
assessoria educacional: gestão, avaliação, legislação educacional (instituições públicas e privadas);
orientação de estudos.


Profissão

Em 15 de maio de 2006, pela Resolução nº 01, do Conselho Nacional de Educação, foi determinada a nova organização do Curso de Pedagogia. Nos termos da referida Resolução, o Curso de Pedagogia tem por objetivo a formação de professores para exercer as funções de magistério na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, nos cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal assim, como em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos.
Dessa forma, as atividades docentes do formando em Pedagogia compreendem a participação na organização e gestão de sistemas e instituições de ensino. Portanto, é central para a formação do licenciado em Pedagogia o conhecimento da escola como organização complexa; a pesquisa, a análise e aplicação dos resultados da investigação de interesse da área educacional; a participação na gestão de processos educativos e na organização de sistemas e de instituições.
 

Locais de estágio

O estágio curricular pressupõe atividades pedagógicas efetivadas em um ambiente institucional de trabalho, reconhecido por um sistema de ensino, que se concretiza na relação interinstitucional, estabelecida entre um docente experiente e o aluno estagiário, com a mediação de um professor supervisor acadêmico. Portanto, deve proporcionar ao estagiário uma reflexão contextualizada, conferindo-lhe condições para que se forme como autor de sua prática, por meio da vivência institucional sistemática, intencional, norteada pelo projeto pedagógico da instituição formadora e da unidade campo de estágio.

O Estágio Supervisionado será realizado, ao longo do curso em Educação Infantil, Educação Especial, anos iniciais do Ensino Fundamental, Pedagogia em Espaços não Escolares, Gestão Escolar como: planejamento, implementação e avaliação de atividades escolares, que ampliem e fortaleçam atitudes éticas, conhecimentos e competências, conforme o previsto no Projeto Pedagógico do Curso.

Para tanto, os alunos precisam vivenciar situações em que possam discutir os problemas do cotidiano e analisá-los à luz das teorias estudadas, a fim de elaborar estratégias de intervenção que permitam tomadas de decisões adequadas. O estágio supervisionado é o espaço em que os estudos teóricos se confrontarão com os aspectos práticos, favorecendo a relação teoria-prática que caracteriza o trabalho pedagógico.
Durante o estágio, o licenciando deverá proceder ao estudo e interpretação da realidade desenvolvendo atividades relativas ao seu campo de atuação.

No plano curricular do presente projeto o Estágio Supervisionado será realizado nos seguintes períodos:
Estágio Supervisionado em Educação Infantil / Educação Especial- 100 horas – 5º Período;
Estágio Supervisionado em Pedagogia em Espaços não Escolares– 100 horas – 6º Período;
Estágio Supervisionado em Anos Iniciais do Ensino Fundamental – 100 horas – 7º Período;
Estágio Supervisionado em Gestão Escolar -100 horas – 8º Período

Os estágios supervisionados descritos acima devem igualmente, preparar o aluno para o exercício coletivo da docência e da gestão, na perspectiva de que as demandas e tarefas, tanto de espaços escolares como não escolares, precisam ser compreendidas e respondidas como exigências a serem coletivamente elaboradas, executadas e acompanhadas.

Educacional

Educação continuada

Com intensidade muito maior do que em qualquer outra época, a educação vem sendo objeto de discussão. Discute-se o acesso, o perfil do profissional, discute-se o que fazer para tornar o processo ensino/aprendizagem mais eficaz. Assim, é preciso que esse profissional esteja em constante atualização por meio de cursos de pós-graduação para garantir sempre um aprendizado significativo aos seus alunos.

Fale com o Coordenador

Profª. Dra. Stella Maris Rodrigues Simões